VIOLÊNCIA & VIOLÊNCIA ILIMITADA

     
 

 

Como muitos outros graves problemas enfrentados pela sociedade e se apresentando como desafio ás autoridades contemporâneas, a violência & violência ilimitada, escolar ou não, que temos hoje em toda a sociedade brasileira, diz respeito às relações cotidianas, como efeito e resultado de alguma dependência química e da paternidade irresponsável. É nisto que acreditamos. Nesta coluna já reportamos, que a violência que tem se manifestado nas escolas, soma, estes fatores citados e o próprio ambiente escolar que despreparado logisticamente, produz essa maior violência, uma vez que os professores não sabem, porque também não lhes ensinaram a lidar com a autoridade que devem exibir. As regras são estabelecidas de maneira não democrática e não são cobradas pelos professores, nas escolas. É desta desorganização que nasce e cresce a violência. Muitos professores adoram relacionar os problemas encontrados na sala de aula, elegendo tão somente como causa a desestrutura familiar, mas isso não é pertinente. Todos sabem e têm, hoje em dia, famílias desestruturadas, pai ou mãe, às vezes dependentes químicos, separados, desempregados, presos em presídios, enfermos, aposentados, ganhando pouco ou com qualquer outro tipo de problema corriqueiro. Mas, mesmo os poucos alunos que não têm esses tais problemas em seu ambiente familiar, apresentam problemas na escola. É ai que nasce uma pergunta desafiadora, para toda a sociedade e nossas desatentas e pouco interessadas autoridades. Há exceção? É preciso, mas como rever as causas disso? Eu acho que a violência escolar é um escândalo. Nós demoramos anos, para trazer esse assunto á tona e agora que vivemos um real estado de direito, precisamos divulgar e falar sim, que existe droga dentro das escolas, existem armas, que há muitos diretores, professores, que vivem estressados, amedrontados e ameaçados, pois existem verdadeiras gangues internas e externamente organizadas. E não estão lá presentes para estudar e sim, para perturbar e tirar vantagem desta situação. Quanto mais se discutirmos e divulgarmos esse assunto, mais será benéfico e curto o caminho para se encontrar as soluções. Quero relembrar e novamente escrever, como conselho nesta coluna: Que neste caso os meios justificam os fins, e como é cruciante o dever de salvar crianças e jovens, que realmente se comportam como crianças e jovens do bem. Na verdade não sei se esta é a única solução ou tentativa a ser feita, mas penso que foi boa à iniciativa, ainda secreta de uma cidade que visitei; A criação da Patrulha Escolar. Ela foi criada pela PM da Comunidade local, em conjunto com as Secretaria, Estadual e Municipal de Educação. O programa secreto, é realizado por um Patrulha Escolar Comunitária, denominada de (PEC) e desde então, além de ter aproximado a comunidade da escola, tem literalmente apoiado a PM, que em dias diferentes, realiza operações discretas de busca, para verificar se alunos estão indo armados para a escola ou ainda estão usando drogas. Até o último dia 10, já apreenderam 16 armas com alunos dentro e nas portas das escolas onde esta operando e 06 laranjas que levou a policia a prender 02 distribuidores de drogas local. Foi esta ação que amedrontou os traficantes na região. Este ao meu ver não é um ato de violência da PM, é um ato preventivo, visto que só no mês passado, como escrevi, foi apresentada aos nossos poderosos legisladores de Brasília, que fica no BRASIL DE LÁ, mais uma nova LEI, que bem aplicada e cumprida até poderá ajudar. Mas... Alguns políticos dizendo ser, ALIADO, não sabemos de quem, já anunciam, enquanto a violência e violência ilimitada se estabelece cada vez mais no BRASIL DE CÁ: - Não se animem, nós sabemos...não somos burros não, que LEIS, para puni menores que não são menores, já existem em muitos grandes paises do mundo, mas calma, isto é matéria constitucional, tem que passar ainda por quarenta sessões aqui na cama, digo câmara. De pressa aqui, só passa o aumento do nosso salaro, descurpe, digo salário, né! - (É Porque deve ser inconstitucional); O resto nóis só vota com orientação lá de cima...(Em tempo esclareço, não é de DEUS não). Agora estes políticos desatentos deveriam mesmo é cobrar do executivo o cumprimento de LEIS já existente e ameaçar com outras leis também dos homens, estes traficantes, se espelhando e valorizando as claras declarações do Papa Bento XVI; Que mesmo sendo do Mundo de lá, comunicou aos traficantes de cá, que eles vão ter conta a acertar com DEUS. Nós o povo só ficaremos mais tranqüilos, quanto todos, católicos, evangélicos ou não, conseguirmos deixar estes traficantes, morrendo de medo do demônio no inferno e de Leis severas dos homens de bem cá da terra. Pois neste nosso país, de tantos outros demônios, fantasiados e com representações em todos os seguimentos de nossa sociedade, somente Deus pode mesmo no final das contas nos ajudar. Aleluia.

Nota:Um simpático e-mail, sabendo que o CRER-VIP, nascido em 1980, possui uma HISTÓRIA DE AMOR AO PRÓXIMO, parecida com o ótimo trabalho cristão, realizado pela Fazenda Esperança, visitada pelo Papa Bento XVI, nos cumprimentou e pediu que não nos esquecêssemos, mesmo diante do desamparo do poder publico, da nossa própria história que mostra a todos, que a fé é o caminho de volta para os escravizado pelo vício. Nós sabemos, concluiu, que o trabalho do CRER-VIP, usa equipe multidisciplinar e tem um Corpo Clínico de médicos, psicólogos e psiquiatras, mas também baseado na terapia ocupacional, alicerçada no espiritual, ministrado por autênticos cristãos.

 
     
 
Notícia Publicada em: 15/05/2007

 

TELEFONES DE CONTATO

Regional Grande BH-MG - (031) 3621-6000
Reg.Consel.Lafaiete-MG - (031) 3763-5233
Regional dos Lagos - RJ - (022) 9814-1019
Regional Araruama - RJ - (022) 9973-8289

OUTROS CONTATOS
SOS-CRER-VIDA/VIP DIFERENCIADO
Triagem Central BÚZIOS 022-9814-1019
crervip@crer-vip.org.br
contato@crer-vip.org.br
NOTICIAS SOBRE DROGAS

Matérias em nossa TV CRER-VIP

Jornal Primeira Hora. Conheça a Coluna do nosso Presidente José Gonzaga.
Clique Aqui